quarta-feira, 3 de junho de 2009

Papo de Teleco Teco - Para vocês o importantíssimo disco I Bienal do Samba





Uma das marcas dos anos 60 foi a inovação trazida pelos meios televisivos. Após o I Festival de Música Popular Brasileira realizado pela TV Excelsior que recebeu fortes críticas de sambistas, críticos de música , principalmente do Rio de Janeiro, que afirmaram que o samba não teve presença marcante neste festival; os produtores da antiga TV Record resolveram realizar a I Bienal do Samba. Incentivado pelo programa Bossaudade conduzido por Ciro Monteiro e Elizete Cardoso, que tinha como pano de fundo o samba autêntico, a rede apostando neste modelo criou a I Bienal do Samba. Como regra as músicas deveriam ser inéditas e o formato do programa lembrou em muito os festivais de musica popular televisivos atuais. Um dos fatos marcantes deste festival, segundo comentários de Solano Ribeiro (Livro A história dos Grandes Festivais) foi que a I Bienal do Samba ressaltou o período em que o samba começou a perder poder competitivo frente aos novos ritmos, como iê iê iê e a própria bossa nova, que ganhavam grande notoriedade neste período. No vídeo abaixo já podemos perceber isto na própria música de Baden e Paulo Cesar que venceu o festival; onde formas mais dinâmicas de arranjos nos sambas vencedores espelham a diferença que começa a surgir tanto no universo sambistico quanto na própria música brasileira.

A I Bienal do samba foi um veículo excencial para o surgimento de novos ícones musicais, servindo além de painel de transformação da própria música brasileira na época, conforme citado acima, também como uma espécie de veículo integrador de músicos novatos à músicos de maior visibilidade. A I Bienal do Samba foi um dos festivais mais importantes da história de nossa música popular onde, entre os tantos fatos que a compuseram, quero destacar a presença e lançamento marcante do grupo Originais do Samba, que alimentou e cativou com seu ritmo e alegria a música vencedora Lapinha interpretada por Elis Regina. Também a integração de cantores de MPB e sambistas da Velha Guarda se fez muito forte. Todas as noites após o festival estes medalhões embalados e conduzidos por Aracy de Almeida nas madrugadas paulistanas criaram várias parcerias inenarráveis temperadas a muita cachaça e boemia. Participaram deste festival Ismael Silva, Pixinguinha, Walfrido Silva, Wilson Batista, Cartola, Pedro Caetano, Claudionor Cruz, Germano Mathias, Jorge Veiga, Isaura Garcia, Nora Ney, Jorge Goulart, Demônios da Garoa, Adoniran Barbosa, Helena de Lima, Miltinho, Ciro Monteiro, Ataulfo Alves dentre outros que dividiram democraticamente seus espaços com Chico Buarque, Elis Regina, Jair Rodrigues, MPB 4, Márcia, Maríla Medalha, Milton Nascimento, Edu Lobo, Baden Powell, Elton Medeiros, Paulinho da Viola, Marcus e Paulo Sérgio Valle, Sidney Miller e mais alguns jovens talentos durante a realização das três eliminatórias realizadas respectivamente nos dias 11, 18 e 25 de maio. Clique aqui para baixar o album I Biental do Samba afinal isto é Papo de Teleco Teco. por Fábio


01 - (1) Lapinha (Baden Powell / Paulo César Pinheiro) - Elis Regina
02 - Quem Dera (Sidney Miller) - MPB-4
03 - Luandaluar (Sergio Ricardo) - Marília Medalha
04 - Marina (Sinval Silva) - Paulo Marques
05 - (6) Coisas do Mundo Minha Nêga (Paulinho da Viola) - Jair Rodrigues
06 - Protesto Meu Amor (Pixinguinha / Hermínio Bello de Carvalho) - Arlete Maria
07 - (4) Canto Chorado (Billy Blanco) - Jair Rodrigues
08 - (2) Bom Tempo (Chico Buarque) - Claudette Soares
09 - (5) Tive Sim (Cartola) - Paulo Marques
10 - (3) Pressentimento (Élton Medeiros / Hermínio Bello de Carvalho) - Marília Medalha
11 - Quando a Polícia Chegar (João da Bahiana) - José Ventura
12 - Rainha Porta-bandeira (Edu Lobo / Ruy Guerra) - Edu Lobo / Márcia


(Atenção: Este link encontra-se na Internet através de blogs e não é de responsabilidade dos membros do Projeto 14 Sambas devendo ser deletado de seu micro no período máximo de 24 horas.Recomendamos que adquiram o cd na intenet através de sites como
http://www.buscape.com.br/ ou similares preservando os direitos do ator)
Reações:
← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

A música pulsa como um Eco, estes sons meus amigos são os nossos teleco tecos que vibrantes pulsam igual nossos corações, valeu o comentário!!