sexta-feira, 18 de dezembro de 2009

Sargentelli explorador ou exportador de mulatas?





É claro que não poderia deixar a semana Sargentelli ser encerrada sem a polêmica que o acompanhou durante grande parte de sua vida. Afinal no auge do processo que Sargentelli utilizou para divulgar o ziriguidum e teleco teco de seu cartel de mulatas, muitos o acusaram de explorador da sensualidade brasileira, por acreditarem que o mesmo utilizava a figura da mulata como um produto de mercado. Mas, se os indianos podem exportar a dança do ventre para o mundo, que também tem conotação sensual, porque implicar com o bohêmio por exportar a sensualidade e gingado de suas sambistas? Questão de interpretação diriam os advogados ;o). Falando em advogados, em 95 Sargentelli ganhou as páginas de alguns jornais, por ser processado sob alegação de racismo através da Comissão de Valorização e Integração Política do Negro do Rio Grande do Sul, com argumentos que o apontavam na época como explorador da mulher negra o que deu uma "baita" repercussão. Talvez se Sargentelli tivesse perdido o processo, hoje em dia daria até precedentes para muitas agremiações carnavalescas processarem algumas rainhas de baterias, que nuas ou com seus mini tapa tudo usam da imagem e história destas escolas para "explorar" e garantir períodos de fama e o que é pior sem requebro. Processo Sargentelli as avessas? Vai saber né? Prós e contras, o samba ganhou e seduziu o mundo pela figura de Sargentelli, exportando parte de nossa brasilianidade para além mar. Sargentelli exportador ou explorador? Deixo a resposta para vocês ... comentem aí vai. por Fábio
Reações:
← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

5 comentários:

  1. Parabéns por este lindo espaço !

    Obrigada por ter enriquecido mais este ano com a felicidade da sua presença nesta jornada em prol da arte e da cultura.


    Aceite os nossos agradecimentos por sua presença constante e pela maravilhosa colaboração no nosso dia a dia, pois há mais, muito mais para o Natal, do que luz de velas e alegria.

    É o espírito da doce amizade que brilha todo o ano.

    É consideração e bondade, é a esperança renascida novamente para a paz, para o entendimento e para benevolência dos homens.


    Feliz Natal !

    Raquel

    ResponderExcluir
  2. Nossa Raquel fico muito lisongeado de uma pessoa de seu currículo vir elogiar este meu simples trabalho, é por demais gratificante, e espero que realmente seja um excelente ano para todos nós. Abraço

    ResponderExcluir
  3. Olá Fábio! Excelente seu blog. Escreve com profissionalismo. Tenho a maior referência com a cultura afro-brasileira, não apenas pela consaguinidade, mas principalmente pela afinidade cultural. A mulata desse post deveria ser patrimônio brasilerio (rsss). Seu blog está no meus favoritos companheiro.

    ResponderExcluir
  4. Sargentelli foi o empresario que mais valorizou a figura do negro, o show man que abençoou a miscigenação, o homem que mais divulgou o samba e o Brasil no show biss.
    Sandrinha Sargentelli

    ResponderExcluir
  5. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir

A música pulsa como um Eco, estes sons meus amigos são os nossos teleco tecos que vibrantes pulsam igual nossos corações, valeu o comentário!!