quinta-feira, 3 de dezembro de 2009

Papo de Teleco Teco: O disco LUSOFONIA do embaixador Martinho da Vila



Muito antes desta história de Reforma Ortográfica virar "prioridade" no governo brasileiro, um certo Martinho da Vila já fazia das suas como um embaixador da Lusofonia. Já nos anos 70 este sambista malemolente firmava laços empáticos com os povos falantes da língua portuguesa firmando um namoro com países como Angola, Cabo Verde, São Tomé e Príncipe, Nigéria, Guiné-Bissau e Moçambique. Prova disto foi o fato de mesmo antes da embaixada de Angola existir no Brasil, em 1970 Martinho já era condecorado como embaixador cultural de Angola, sendo promovido depois, em virtude de suas influências, para embaixador da boa vontade através da CPLP (Comunidade dos Países de Língua Portuguesa). O fato é que muito antes do governo tratar a reforma ortográfica como mecanismo para "singularidade" dos países de língua portuguesa, muito mais por questões geopolíticas e econômicas do que uma busca de soluções coletivas; Martinho com sua liderança negra já levava nosso samba e cultura para vários países do além mar criando uma certa interligação. (Abaixo um vídeo de Martinho com Roberto Leal provando a influência do sambista)

Além de Martinho, sambistas como Leci Brandão e Alcione exercem uma forte influência nos países lusofônicos, sendo alguns de seus trabalhos muitas vezes mais conhecidos lá que em nosso próprio território brasileiro, vai entender ? No ano de 2000 Martinho fez através de parcerias com vários músicos de países lusos o disco Lusofonia. Abaixo uma das músicas deste album intitulada Lusofonia

Lusofonia
Martinho da Vila




Eu gostaria de exaltar em bom Tupi
As belezas do meu país
Falar dos rios, cachoeiras e cascatas
Do esplendor das verdes matas e remotas tradições
Também cantar em guarani os meus amores
Desejos e paixões
Bem fazem os povos das nações irmãs
Que preservam os sons e a cultura de raiz

A expressão do olhar
Traduz o sentimento
Mas é primordial
Uma linguagem comum
Importante fator
Para o entendimento
Que é semente do fruto
Da razão e do amor

É sonho ver um dia
A música e a poesia
Sobreporem-se às armas
Na luta por um ideal
E preconizar
A lusofonia
Na diplomacia universal


Porém ao ouvir tal trabalho deve-se obrigatóriamente esquecer da figura sambista de da Vila, pois Lusofonia é mais que um disco de samba; podendo ser entendido como um verdadeiro tratado Lusofonico em homenagem aos vários países da língua portuguesa, afinal Martinho da Vila em Lusofonia é Papo de Teleco Teco . por Fábio (*Créditos ao site O Patifúnido)
1. Lusofonia
02. Ô morena, como é bom viajar
03. Fazendo as malas
04. Hino da Madrugada
05. Dança ma mi criola
06. Tira a mão da minha Xuxa
07. Vamos cultivar
08. Bacu
09. Nutridinha
10. Carambola
11. Lisboa menina e moça
12. Vasco da Gama
13. Salve a Mulata brasileira
14. Viva Timor Leste

Atenção: Este link encontra-se na Internet através de blogs e não é de responsabilidade do Ecos do Teleco Teco devendo ser deletado de seu micro no período máximo de 24 horas.Recomendamos que adquiram o cd na intenet através de sites como
http://www.buscape.com.br/ ou similares preservando os direitos do ator)
Reações:
← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

2 comentários:

  1. Fábio adorei seu blog! Ainda não deu tempo de ler muita coisa.. mas esse post tá muito bom! Vou linkar o seu blog no meu, pra eu não esquecer de visitar...dessa forma, sempre que você atualizar, eu vejo, tudo bem?
    Beijos,
    Teka

    ResponderExcluir
  2. Passei aqui para conhecer seu espaço e agradecer suas visitas ao Vitrola.
    Grande abraço,
    Luis

    ResponderExcluir

A música pulsa como um Eco, estes sons meus amigos são os nossos teleco tecos que vibrantes pulsam igual nossos corações, valeu o comentário!!