quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

Papo de Teleco Teco: A 37 anos partia João da Bahiana


Hoje fazem 37 anos que João da Bahiana partiu. Mais do que ser o pai do pandeiro no samba brasileiro, este sambista foi um dos percursores da própria sintetização da influência africana no cotidiano musical brasileiro. Em uma época que a polícia "sentava o pau" em quem andasse com seu pandeiro e violão embaixo do braço João da Bahiana, fruto direto do caldeirão cultural chamado Praça Onze, construia seu lugar na história da música popular brasileira, usando de ritmos perseguidos e marginalizados como a macumba e candomblé, em um tempo que o samba era maior que o próprio samba. No vídeo abaixo podemos ver o mestre tocando seu prato em uma animada roda animada por ninguém menos que Pixinguinha e no link acima tem mais João da Baiana para degustar. Ficou interessado? Então clique aqui e ouça este disco incrível disco de 78 rpm do mestre João da Bahiana.


Atenção: Este link encontra-se na Internet através de blogs e não é de responsabilidade do Ecos do Teleco Teco devendo ser deletado de seu micro no período máximo de 24 horas.Recomendamos que adquiram o cd na intenet através de sites como http://www.buscape.com.br/ ou similares preservando os direitos do ator)
Reações:
← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

A música pulsa como um Eco, estes sons meus amigos são os nossos teleco tecos que vibrantes pulsam igual nossos corações, valeu o comentário!!