quarta-feira, 12 de novembro de 2008

Plínio Marcos em uma verdadeira aula do samba paulistano



Este disco é um dos mais perfeitos resumos da trajetória do samba paulistano "Plínio Marcos em Prosa e Samba". Plínio Marcos era mais que um cronista pois ele sabia no fundo de seu peito a marginalização pela qual passava o sambista paulistano, afinal além de andar com os bambas da época, desenvolvia um trabalho que ia contra todo o tradicionalismo e preconceito existente ao genero. Plínio criou um espetáculo que unia seus textos aos trabalhos dos sambistas engraxates paulistanos, o qual no ano de 1974 gerou este disco que estamos disponibilizando o audio abaixo. Neste importantíssimo trabalho narrado por Plínio encontram-se canções de Zeca da Casa Verde, Toniquinho Batuqueiro e Geraldo Filme os quais interpretam-nas pessoalmente. Uma sabatina fundamental à quem quer saber um pouco mais sobre o samba da Casa Verde, o batuque de Pirapora, a vida destes sambistas que mesmo levando muito "tapa no lombo" mantiveram vivo seu ímpeto de luta na manteneção das raízes relativas ao samba de São Paulo. É só clicar e aprender parte da história pelas palavras deste importante cronista.por fabio

01 - Tiririca (Geraldo Filme)
02 - Vou sambar n'outro lugar (Geraldo Filme)
03 - Tradições e Festas de Pirapora (Geraldo Filme)
04 - Silêncio no Bixiga (Geraldo Filme)
05 - Tebas "O escravo" (Praça da Sé) (Geraldo Filme)
06 - Brasil recebe o mundo de braços abertos (Zeca da Casa Verde)
07 - Congada (Zeca da Casa Verde)
08 - Linda mnhã (Zeca da Casa Verde)
09 - Noite encantada (Zeca da Casa Verde)
10 - De Pirapora a Barueri (Tradicional) Música tradicional paulista
11 - Ditado antigo (Toniquinho)
12 - Bloco do Chora Galo (Toniquinho)
13 - Samba de lei
Reações:
← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

A música pulsa como um Eco, estes sons meus amigos são os nossos teleco tecos que vibrantes pulsam igual nossos corações, valeu o comentário!!